Prefeito confirma obra que irá recuperar principal avenida de Passo Fundo

Luciano Azevedo (PSB) é prefeito de Passo Fundo
Luciano Azevedo (PSB) é prefeito de Passo Fundo

A principal avenida de Passo Fundo passará por uma grande obra de revitalização nos próximos meses. Em entrevista coletiva nesta quinta-feira (02/03), o prefeito Luciano Azevedo deu detalhes dos trabalhos que irão recuperar e modernizar a estrutura e o visual de cerca de 5,5 quilômetros da Avenida Brasil, do trevo da BR 285 até a Rua 20 de Setembro.

“Trabalhamos para dar uma solução definitiva para essa que é nossa principal avenida. Será uma das maiores obras que a Prefeitura já fez e precisamos do apoio e da compreensão da população para que, no final, a cidade esteja ainda melhor”, afirmou o prefeito. O edital de licitação para escolha da empresa que executará os trabalhos será lançado nesta sexta-feira, dia 3 de março.

As obras estão divididas em três projetos. O primeiro abrange pavimentação, ciclovia, drenagem, acessibilidade e sinalização. O segundo compreende ampliação e substituição da rede de esgoto. Já o terceiro inclui melhorias na rede de infraestrutura elétrica. O investimento total será de R$ 17 milhões, incluindo recursos próprios, financiamento do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) e convênio com a Corsan.

Na parte de pavimentação, serão utilizados quatro métodos diferentes, de acordo com a situação atual do pavimento, diagnosticada nos levantamentos técnicos. Em alguns locais, por exemplo, será necessário substituir todo o pavimento. Em outros, apenas a camada de asfalto. Nos pontos de parada de ônibus será executado pavimento em concreto para evitar deformações excessivas.

O caminhódromo e a ciclovia terão cerca de dois quilômetros de extensão, do trevo da BR 285 até a Rua Rodrigues Alves, no bairro Petrópolis. Já os novos passeios públicos estarão adequados às normas de acessibilidade, em todos os trechos.

A rede de infraestrutura elétrica e lógica será implementada em toda a extensão da obra e servirá, futuramente, para receber por via subterrânea a iluminação dos canteiros centrais, a rede de fibra ótica para o sistema de videomonitoramento e a rede de lógica para implantação de sistemas de informatização das áreas públicas do Município. Já a rede de drenagem será modernizada para evitar alagamentos.

A previsão é que as obras sejam concluídas em dois anos, a partir da ordem de serviço. O secretário adjunto de Obras, Gustavo Heurich, lembrou que, por se tratar de uma intervenção na principal avenida da cidade, a obra causará alguns transtornos aos moradores durante seu andamento. Para amenizar os problemas, os trabalhos devem ser executados em trechos de duas a três quadras. O prazo previsto para cada trecho é de cerca de 30 a 40 dias.

 

Foto: Alex Borgmann

Fonte: Ascom Prefa. Passo Fundo

PESQUISA

ASSINE NOSSA NEWLETTER