“É um dia muito triste, mas a segurança pública do RS segue firme e operante”, afirma governador sobre incêndio na SSP

15/07/2021 (Atualizado em 15/07/2021 | 15:00)

ecretário de Obras e Habitação, José Stédile integrou comitiva do governo do Estado em visita à sede da Secretaria de Segurança


O governo do Estado segue mobilizado para encontrar os dois servidores do Corpo de Bombeiros Militar que desapareceram durante o combate ao incêndio que atingiu, na noite anterior, o prédio-sede da Secretaria da Segurança Pública, em Porto Alegre.

O governador Eduardo Leite foi ao local, nesta quinta-feira (15/07), na rua Voluntários da Pátria, para acompanhar o trabalho dos servidores juntamente com vice-governador e secretário da Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior, com outros secretários e chefes das forças de segurança, que compõe o gabinete de crise instalado para enfrentar o caso. Presente o titular da Secretaria de Obras e Habitação, José Stédile.

“É um dia muito triste para nós no governo do Estado, por causa dessa tragédia que envolve o prédio da SSP. Todo nosso foco está na busca dos dois servidores desaparecidos, que entraram no prédio justamente para garantir que todas as pessoas saíssem com segurança. Isso só comprova a dedicação e o heroísmo dos nossos agentes da segurança pública. Encontrá-los é a absoluta prioridade das nossas equipes, inclusive dar assistência às famílias dos servidores”, disse Leite.

Ranolfo destacou que, paralelamente às buscas aos agentes e o rescaldo do incêndio, equipes da Secretaria de Obras e Habitação, do Instituto-Geral de Perícias (IGP) e da Defesa Civil estão fazendo a avaliação técnica e estrutural do prédio.


Saiba mais

Após, foi realizada uma reunião para traçar as estratégias que serão tomadas daqui para frente, como a alocação dos serviços que funcionavam no prédio da SSP e a apuração das causas do incêndio, seguida de uma coletiva de imprensa para atualizar a população.

Além de Stédile, participaram da reunião e da coletiva os secretários Artur Lemos Júnior (Casa Civil), Claudio Gastal (Planejamento, Governança e Gestão), Mauro Hauschild (Administração Penitenciária), Tânia Moreira (Comunicação), Eduardo Cunha da Costa (Procuradoria-Geral do Estado), coronel Júlio César Rocha Lopes (Casa Militar e Defesa Civil).

Fonte: Secom - RS

PESQUISA

ASSINE NOSSA NEWLETTER