18 de julho: Dia Internacional de Nelson Mandela

18/07/2021 (Atualizado em 26/07/2021 | 09:38)

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Nesta importante data, Dia Internacional de Nelson Mandela, vale ressaltar um pouco da história de Madiba, principal líder politico da história da África do Sul e um dos grandes nomes mundiais da luta contra a opressão racial. Durante grande parte de sua vida, Mandela lutou contra o regime racista e segregacionista do apartheid na África do Sul, o que resultou na sua prisão por 27 anos. 

Nelson Mandela foi eleito presidente de seu país, em 1994,  após uma expressiva vitória nas urnas, o que o levou a governar a África do Sul até 1999. Em 1993, recebeu o Prêmio Nobel da Paz pela atuação política no processo de transição e de luta pelos direitos da maioria negra sul-africana.

Seu governo foi caracterizado pelo esforço em acabar com o legado histórico do apartheid para a população negra sul-africana. Ele criou programas de habitação, educação e desenvolvimento econômico para a população que vivia nos guetos. Em seu governo, uma nova constituição foi aprovada, garantindo a estabilidade política do país.

Em 1999, após sua saída do governo, fez uma promessa que iria apenas auxiliar na transição para um regime democrático representativo, continuando seu trabalho em outras instâncias. Criou uma fundação que leva seu nome, atuando em diversas áreas sociais, como no amparo aos portadores de HIV e no auxílio à infância.

Por essa atuação e contribuição humanitária, Madiba tornou-se o mais poderoso símbolo da luta contra o regime segregacionista do Apartheid, além de modelo mundial de resistência. Nelson Mandela virou símbolo e uma inspiração de luta não apenas para a Negritude Socialista Brasileira (NSB) mas, também, para o PSB. A sua luta pelo direitos humanos e as causas sociais e o respeito pela diversidade norteiam as ações socialistas. 


Por: Paulo Rogerio Leites, secretario estadual da NSB/RS e 

Sanny Figueiredo, secretaria estadual de Formação Politica da NSB/RS

Fonte:

PESQUISA

ASSINE NOSSA NEWLETTER